Liga das Escolas premia vencedores na ExpoGame
Time vencedor “Renteiwe” (Foto: Rubem Vital)
10 abril

Liga das Escolas premia vencedores na ExpoGame

Depois de uma semana de muitos jogos, chegou ao fim a disputa da Liga Escolas na ExpoGames

O campeonato teve muita procura de alunos, inclusive alguns de outros estados. No final, 40 jogadores foram aprovados por atenderem aos requisitos:  serem alunos do ensino médio de escolas da região de Londrina e com, no mínimo, 14 anos.

As inscrições foram feitas de forma individual e depois os alunos formaram times com 5 jogadores. Todos disputaram o mesmo jogo em busca de uma vaga na final - Mobile Legends: Bang Bang. No primeiro fim de semana de Exposição aconteceram as qualificações, de onde saíram os 4 times que disputaram a semifinal da Liga das Escolas.

Estes jogadores vivenciaram uma experiência única: participar de uma disputa nos mesmos moldes de um campeonato profissional de game. “Estes quatro times vivenciaram a experiência do que é ser um jogador profissional – um campeonato com um palco com telão eletrônico, uma equipe completa de narradores, apresentadores e comentaristas, além da premiação em dinheiro e presença de público”, explicou a  account manager da BBL, Jessica Benatto Narreiros.

Os dois primeiros colocados foram anunciados no último dia de Expo. O time “Renteiwe” ficou em primeiro lugar, e os garotos do “Famosos do MLBB” em segundo.

A disputa do terceiro e quarto lugar vai acontecer de forma on-line nos dias 15 e 16 de abril.

A premiação em dinheiro vai para os 4 primeiros lugares. O grande vendedor recebeu 5 mil reais e mais prêmios dentro do jogo.

Everton de Paula e Silva, head de atendimento da BBL, destaca a ousadia de trazer um evento de games para dentro de uma feira agropecuária, “Essa foi a nossa primeira experiência numa exposição agropecuária. Posso até dizer que é a primeira experiência de games dentro de uma feira agropecuária no Brasil”.

O espaço da Arena Games ficou cheio em todos os dias de feira. Segundo os organizadores, passaram pelo pavilhão cerca de 90 mil pessoas de todas as idades.

“O nosso público foi bastante diverso. A gente tem desde crianças de três, quatro anos brincando nas áreas destinadas para eles, como a gente tem pais junto com filhos jogando ao mesmo tempo, se divertindo, tendo um momento diferente e ao mesmo tempo vindo para a Expô, que já é cultural aqui na cidade. Foi algo que realmente atraiu muito mais o público, que realmente somou para fechar este evento que é incrível”, afirma Everton. Ele ainda conclui que valeu a pena, “Eu sempre gostei de games e de jogar. Queria ter tido na minha infância uma oportunidade como essa aqui da ExpoGames. Mas fico feliz porque agora eu estou proporcionando isso para outros amantes de games”.